quinta-feira, 6 de dezembro de 2007

Coisas passadas ou O melhor post de março...

Em março só houveram duas postagens.. assim sendo não foi muito difícil escolher essa pequena e singela homenagem aos saudosos e saudosas que povoam as indiossincrasias de minha vã materialidade...

À quem faz falta...

Aos que vivem nas minhas pegadas
Alicerces primordiais de minha caminhada
Vocês que me deram tanto, sem esperar nada
Cantando comigo pela jornada
Glorifico cada momento
Em que estiveram comigo
Enquanto esmero-me em não perdê-los para o tempo
Dobro-o com afinco
Busco-os em meus pensamentos
Nós abraçados sob um firmamento
Pinkfloydiando por aí...

Sejam piscianas loucas, unívocas de tão magníficas
Ou um simples baixinho, companheiro por todo e qualquer espaço
Mesmo que já não sejam o que foram
Ainda abraço o que são, lhes esbofeteando qualquer autoridade
Sobrevivi convosco a tanto horror, iniqüidade
Que poderia tudo explodir
Mas sei que lá nas entranhas
Temos apenas 19 anos, a nos embriagar por aí...

Ainda me visto de saudade
E corro contra a estrutura
Cioso de vossas presenças
E com esperanças futuras
Que se não há o que foi.. é pelo que foi que há..

A caminhada sempre segue
Mas é bom tê-los imaginários comigo
Reconfortam meu abrigo
Acampados em minha mente
Louvados sejam, Deuses de minha mutação
Se não criadores de meu universo
Responsáveis pelo seu sabor instigante
E, mesmo quando distantes, meus incansáveis campeões
Que vendamos havaianas na China
Ou simplesmente bebamos a vida
Com essa amizade de fina maestria....

10 comentários:

MakNamara disse...

Bela homenagem à amizade... pinkfloydiando por aí... quantos verbos seriam capazes de expressar a alegria de estar no mundo e compartilhá-lo com outras pessoas... raulzitando, cervejando, peladeando, botecando, poetando, descobrindo...

MakNamara disse...

Bela homenagem à amizade... pinkfloydiando por aí... quantos verbos seriam capazes de expressar a alegria de estar no mundo e compartilhá-lo com outras pessoas... raulzitando, cervejando, peladeando, botecando, poetando, descobrindo...

Gabriele Fidalgo disse...

Linda forma de homenagear os amigos e dizer como eles continuam sendo importantes para você, independentemente de como são ou como estão hoje.
Aliás, sorte deles também, ter um amigo como você.

Beijo

disse...

Os escolhidos, todos temos os nossos, belíssima maneira de homenageá-los.

Vc está me acostumando mal (ou mto bem) com os seus poemas em cada comentário.

Mah disse...

que lindo Jorge
uns dos meus prediletos até agora

beijo doido
;*

www.intimomisterio.blogs.sapo.pt disse...

Não sei o que é mais gostoso:
E expectativa e a ansiedade
da ante-véspera do amor,
O colorido e o abandono
do momento cósmico do orgasmo
ou a lassidão e os espasmos de prazer
no repouso de teus braços.

beijocas na boxexa
Bom fim de Semana
Arte de Amar

R@Ser disse...

Todo dia é dia de Jorge

Salve,salve meu amigo Jorge(hehehehe).

Bela homenagem a teus amigos...lindo gostei.

Querido amigo deixote um beijo e o desejo de um ótimo fim de semana.

Camila Queiroz disse...

[i]eis que dissolvo-me nesses braços abertos que confortam-me o âmago, tocam-me com frenesi e um amor estranho inundando-me o peito, quente, ao máximo de adrenalina, palpitanto forte esses átrios e ventrículos, tão forte que ele sente, sente isso em sua pele, como se algo dentro de mim batesse também dentro dele.

Paula disse...

Conheço o local dessa foto meu amigo... hehehe

As férias estão chegando e se tudo permitir, terei mais tempo pra visitar essas praias.

Grande post... Grandioso e tocante como vc meu caro.

Beijos saudosos.

R@Ser disse...

Olá meu doce amigo,passando para te ler.


Te desejo um ótimo inicio de semana.