sexta-feira, 18 de junho de 2010

Saramago...




Do sal amargo
Do mel salgado
Por ser um mago
Aquele velho homem magro
Fez-se largo
Deixou o mundo enfeitiçado
Com o afago
Da prosa poética
Da poesia proseada
Que tão bem dissecava essa manada
No pormenor da estética
Nada sintética
Na sintaxe
Na práxis
No que está além do de praxe
Capaz que ninguém nunca mais ache
Tão bem as palavras...

P.s - O Evangelho Segundo Jesus Cristo é um dos 10 melhores livros que já li.. o melhor livro cristão com toda certeza...

5 comentários:

Priscila Mondschein disse...

O mundo sofreu uma grande perda hoje!
Beijosssss!!!

Pipa. Agora eu era o herói. disse...

Dói não ser pra sempre.


Beijos

Laís Eva disse...

Uma perda e tanto!
Mas não poderá ser cogitado como uma 'perda'.
Ele foi, é, sim, um ganho!

Lara disse...

Com certeza ele não será esquecido.
Linda homenagem.
Uma boa noite amigo.

Sil.. disse...

Nossa, entrando aqui, já me emocionei ao ver Saramago.

Ainda choroooooo essa perda...

E concordo contigo...o Evangelho segundo JC dele, foi um dos melhores que eu li.

Um abraço.

Salve, sempre!