segunda-feira, 30 de março de 2009

Teatro do por vir

"A vida é o interminável ensaio de uma peça que nunca se realizará..." (Do filme O Fabuloso Destino de Amelie Poulain..)

Peça
Tropeça
Então pessa
Vamos nessa
Se tudo mais se engessa
Capaz que a cabeça
Arrefeça
Enquanto não começa
Desça
Do resto esqueça
E se arremessa
Nunca cessa
Mesmo que messa
Capaz que nunca aconteça
Que não haja a tal Vanessa
Nem Veneza
Nem posta mesa
Ou qualquer fineza
Porcelana chinesa
Ser alteza
Só firmeza
A escolha é essa
Por mais que você teça
E que tudo até pareça
Nunca é
Só está...

20 comentários:

Márcia(clarinha) disse...

Para todo sim existe um não, ou não?

lindo dia
beijos

Iza disse...

Eu 'viajo' no que você escreve aqui, e naquilo que você escreve pra mim.
É tudo massa!

Bjus

:: rita :: disse...

^^

sempre um tanto de alegria!



p.s.
te passei meu msn! ta la no seu gmail... se naum chegar me conta que mando de novo! ^^

um beijo no coração!

pree disse...

a maçã, sempre.
por falar nisso, que cara gênio.

e vc, mais, pq é um poema a cada post. tava falando com a jacque sobre isso. adoramos. e não sei como vc consegue.

Alê Quites disse...

Deu-me vontade de andar
dançar
cantar seus versos.
BeijOS

Senhora Loirinha Má disse...

Gostei práka do teu texto. O poema pra imagem do Sr. do Vale foi tuuuuudo. Amei.

Larissa disse...

Esse eu amei. Teatralizar. :))

Tâmara disse...

Ô Valente, assim vc me acaba..viu!!!

Esse é o meu favorito!!

E não tem um pouco de Amélie? Quem não cria para si um mundo cheinho de fábula? um mundo tão apaixonante e envolvente com coisas tão simples e belas, como a herança de infância e uma bela esperança otimista para a maturidade?

Eu quero sempe sempre sempre Amélie..

Anja Rakas disse...

Sabe que bate saudade?
Sabe que engole o coração?
Sabe que giro em redor de abelhas mel e sinto teu cheiro?
Sabe que...tudo que parece na verdade é?!

Beijao

Ni ... disse...

Gosto demais, visitar seu cantinho...

Beijo e mais beijos...

:: rita :: disse...

. ai, ^^

ri alto e feliz da vida quando li seu comentario no meu blog... sobre eu casar.. e talz! =D

.
vc trouxe um tanto muito de alegria pro meu dia...

.
um beijo =*

Erica Maria disse...

Olá...vim agradecer a visita!

Que blog bonito!

Voltarei sempre!

Bjo!

Priscila Mondschein disse...

O filme Amelie Poulain é uma ótima inspiração... linda fábula sobre a vida!

E esse poema, cheio de ser ou não ser, só me faz ficar mais curiosa sobre o grande mistério!!!! ;)

Ah, dei muita risada com seus versinhos lá no mil almas, sobre o último post! rsrs

Beijos!

Nathália disse...

Você deve ter um dicionário na cabeça, porque ô facilidade e criatividade pra rimar!

Beeijo!

Ps.: Meu fã, é? *-*

Ego. disse...

" Nunca é
Só está..."

Vou reverberar até acreditar nos teus versos meu rey!

Maria Muadiê disse...

"ser alteza
ser firmeza
a escolha é essa"

Vitor Andrade disse...

vagando entre os astros, nada me move, nem me faz parar...'

Juliana disse...

As palavras são peças de um quebra-cabeça em sua mão...
Belas rimas, como sempre.

Abraço

Em Construção... disse...

Adoreiiiii a rima....
viajo aqui...rs
Parabêns
Bjuss

Fi disse...

Na descoberta que é a vida
Qual a piada se acontecia
Tudo como se escrevia
Se a gente não tivesse ousadia
Se a gente não se atrevia
A contornar com ousadia
Aquilo que a gente mesmo queria
Um dia que agora fugia
Um outro que nos apetecia
Se talvez a profecia
Seja mesmo esta desbravia
Que quando acontecer a ida
Que já não nos devolve a vinda
A gente perceba com sabedoria
Que realmente importa é a travessia
Por este palco lotaria
E pouco ou nada a chegada e a partida